Álcool vs trânsito-parar de beber

Vamos insistir no mesmo assunto ao dizer que “álcool e direção não combinam”. Mas mesmo sendo um tema muito comentado algumas pessoas não entenderam e continuam fazendo o contrário do recomendado. Dados mostram que 15% das mortes de trânsito foram atribuídas ao álcool em 2012. Parar de beber é a melhor escolha que você pode fazer.

Existe uma lei que aumenta a pena para o motorista que cometer homicídio ou causar qualquer que seja o tipo de lesão ao dirigir alcoolizado, a pena exige reclusão de cinco a oito anos, claro, existem algumas sanções.

Podem sim ocorrer complicações caso o indivíduo seja parado por uma blitz policial e estiver alcoolizado e o processo será o seguinte:

O veículo será retido até que seja efetuada uma apresentação que o condutor do veículo passou no teste do bafômetro, caso contrário, o veículo será removido e conduzido até um deposito.

CNH

Dessa maneira o condutor do veículo será multado e sua CNH será confiscada e terá de cumprir com outras obrigações.

O fato é, quando você está no trânsito não será responsável só por sua vida, mas também pela vida de terceiros e esse é só mais um dos problemas que o álcool pode causar.

Além de ser o maior causador de agressões domésticas e agressões no geral, o álcool pode lhe trazer complicações de saúde, como a cirrose, esteatose, obesidade, hepatite A, B e C.

Sabemos que não é fácil parar de beber, mas é importante lembrar que não é impossível. 

Motivação

Encontre uma motivação, peça o apoio de sua família, afinal será uma fase cheia de altos e baixos e com esse apoio o processo será menos doloroso.

Faça a busca por tratamentos naturais, que não possuam efeitos colaterais e nem contraindicações, nos dias de hoje existem diversas alternativas que vão te ajudar.

Contudo lembre-se, o tratamento é gradual, leva tempo e paciência. Os resultados valerão a pena, confie.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *